Linha Circular Ponte Viva começa a operar em Florianópolis

A linha circular 1119 Ponte Viva começou a operar nesta segunda-feira, dia 27 de janeiro de 2020, passando pela Ponte Hercílio Luz. A tarifa da linha segue gratuita e terá saídas a cada 30 minutos, a partir das 10h até às 19h50, de segunda a sexta-feira, da plataforma 5 do Terminal Urbano Cidade de Florianópolis.

Quadro de horários – Dias úteis: 10h – 10h30 – 11h – 11h30 – 12h – 12h30 – 13h10 -13h40 – 14h20 – 14h50 – 15h20 – 15h50 – 16h20 – 16h50 – 17h20 – 17h50 – 18h20 -18h50 – 19h20 – 19h50

Já aos sábados, domingos e feriados, a linha terá saídas a cada 1 hora, a partir das 12h até às 19h, também partindo do Terminal Urbano Cidade de Florianópolis, porém como nestes dias o tráfego na Ponte Hercílio Luz será exclusivo para pedestres e ciclistas, a linha 1119 não passará pela ponte.

Quadro de horários – Sábados, domingos e feriados: 12h – 13h – 14h – 15h – 16h – 17h – 18h – 19h

Linha Ponte Viva
Foto: Júlio Cavalheiro

Lembrando que de segunda a sexta-feira, pedestres e ciclistas só podem circular pelas passarelas laterais, os ciclistas deverão respeitar os sentidos estabelecidos de deslocamento.

Confira o itinerário completo nos dias úteis:

Terminal Urbano Cidade de Florianópolis, Praça XV de Novembro, Rua dos Ilhéus, Rua Visconde de Ouro Preto, Praça Getúlio Vargas, Avenida Rio Branco, Rua Felipe Schmidt, Ponte Hercílio Luz, Avenida Governador Ivo Silveira, Rua General Eurico Gaspar Dutra, Rua Quatorze de Julho, e retorna pela Ponte Hercílio Luz, Rua Felipe Schmidt, Avenida Beira-Mar Norte, Avenida Gama D’Eça, Avenida Osmar Cunha, Rua Jerônimo Coelho, Rua Tenente Silveira, Rua Pedro Ivo, Avenida Paulo Fontes e retorno ao Terminal Urbano Cidade Florianópolis.

Roteiro Ponte Viva

Confira o itinerário completo aos sábados, domingos e feriados:

Terminal Cidade de Florianópolis, Praça Fernando Machado, Avenida Paulo Fontes, Terminal Cidade de Florianópolis, Rua dos Ilhéus, Rua Visconde de Ouro Preto, Avenida Rio Branco, Rua Felipe Schmidt, Praça José Mauro da Costa Ortiga, Rua Jornalista Assis Chateaubriand, Alameda Adolfo Konder, Rua Conselheiro Mafra, Rua Francisco Tolentino, alça de ligação com a Avenida Paulo Fontes (próximo ao Camelódromo), Avenida Paulo Fontes e Terminal Cidade de Florianópolis.

O ônibus conta com ar condicionado, wi-fi e carregadores USB. Além disso, ele têm piso baixo para facilitar o acesso de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, sem a necessidade do tradicional elevador.

O ônibus é o primeiro a passar pela Ponte Hercílio Luz após 28 anos de interdição. Numa das primeiras viagem, alguns passageiros chegaram a cantar “Viva, viva a ponte alternativa!”, em alusão a um trecho de uma das músicas do ex-cantor Raul Seixas.

Além da linha 1119, também começaram a circular pela Ponte Hercílio Luz, carros oficiais como viaturas, ambulâncias e Bombeiros (com acesso controlado pela Polícia Militar Rodoviária). No início de janeiro, a Prefeitura de Florianópolis atualizou o cronograma dos veículos autorizados a passar pela ponte de forma gradativa.

Veículos oficiais Ponte
Foto: Júlio Cavalheiro

O Governo do Estado de Santa Catarina informou que o cronograma de obras na ponte segue até março, quando está prevista a conclusão dos trabalhos.

“A obra de recuperação da Ponte Hercílio Luz segue em andamento até março de 2020 e, conforme cronograma estabelecido pela empresa responsável pela obra, à noite a pista de rolagem será interditada para execução de serviços. E, se necessário, as passarelas laterais também poderão ser fechadas, mas uma delas sempre estará liberada para a travessia total da ponte”, informou o Governo do Estado de Santa Catarina.

Teste comparativo de espaço

Uma iniciativa coordenada pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Florianópolis, realizou uma simulação na Ponte Hercílio Luz por meio de fotos comparativas do espaço ocupado por diferentes modais de transporte com o mesmo número de pessoas, como parte do Programa Ponte Viva.

O objetivo era comparar a eficiência da ocupação dos diferentes modos de transporte com o mesmo número de pessoas em ônibus, carros, bicicletas e pedestres.

As fotos demonstram mostram pessoas a pé, de bicicleta, ônibus e de automóvel. As 42 pessoas representam a capacidade total de um ônibus com passageiros sentados.

A mesma quantidade de pessoas foi fotografada em bicicletas e a pé. Já para demonstrar o transporte de 42 passageiros de carro, foram utilizados 32 automóveis, uma vez que cada veículo transporta em média 1,29 pessoas, de acordo com os dados do Plano de Mobilidade Urbana Sustentável da Grande Florianópolis.

O objetivo desta ação é debater a ocupação mais eficiente do espaço urbano e da Ponte Hercílio Luz. Para medir a eficiência real dos modos de transporte, segundo a Prefeitura de Florianópolis, é necessário avaliar não o número de veículos que cruza as pontes, mas a quantidade de pessoas transportadas por estes.

A atividade faz parte do “Programa Ponte Viva: Hercílio Luz Para as Pessoas”, que traz a visão estratégica para o uso integrado da Ponte Hercílio Luz, não apenas na mobilidade urbana, mas também em turismo, patrimônio, cultura, esporte e lazer.

A Prefeitura de Florianópolis já decretou que a ponte será somente para pedestres, ciclistas, transporte coletivo e veículos oficiais e de emergência nos dias úteis e exclusiva para pedestres e ciclistas nos finais de semana.

Eduardo Paulino

Paulistano, aquariano e prestativo. É apaixonado pelos temas marketing digital, mobilidade urbana, recursos humanos e empreendedorismo. É o criador dos sites Mobilidade SampaMobilidade Curitiba, Mobilidade RioMobilidade Floripa e Mobilidade Porto Alegre. Quer entrar em contato com o Eduardo? Escreva para contato@eduardopaulino.com.

2 comentários em “Linha Circular Ponte Viva começa a operar em Florianópolis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.