Cobrança da Zona Azul em São José começa na segunda-feira, dia 1º

Início Zona Azul em São José

A cobrança da Zona Azul em São José será iniciada na segunda-feira, dia 1º de julho. O sistema já está operando nos bairros Campinas e Kobrasol desde o dia 10 de junho em fase de testes para a realização de ajustes e orientação da comunidade. Serão cerca de 500 vagas de estacionamento rotativo à disposição nesta primeira etapa.

Nas últimas semanas, técnicos da Prefeitura de São José e da empresa que fará a operação da Zona Azul trabalharam nas adequações do sistema.

Foram feitos ajustes como o redimensionamento de vagas e também adequações com proprietários de algumas vagas com extensão entre 5,49 metros e 4,5 metros com espaço para o passeio, que não receberão a marcação da Zona Azul.

“Esse período foi importante para que adequar o projeto e garantir uma operação mais tranquila. Durante esse tempo, os monitores já trabalharam fazendo a orientação da comunidade sobre o funcionamento do sistema. Deste modo, na segunda-feira começa a cobrança e fazemos um alerta aos motoristas porque os veículos que estiverem estacionados em locais proibidos serão multados”, afirma a secretária de Segurança, Andréa Pacheco.

A Zona Azul em São José funcionará de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h, e aos sábados, das 9h às 13h, sendo que o tempo máximo de estacionamento em uma mesma vaga é de duas horas.

O preço público para a Tarifa Básica de Utilização por vaga para automóveis, caminhonetes, camionetas e similares será de R$ 2,50 pelo período de uma hora. Já o valor por vaga de ciclomotores, motocicletas, motonetas e similares será de R$ 1,25 por hora.

Os idosos e as pessoas com deficiência terão direito a vagas especiais. Os veículos, com motoristas ou passageiros com idade igual ou superior a 60 anos, poderão estacionar nas vagas identificadas como “Exclusivo Idoso”. Para isso, é necessária a colocação, sobre o painel do veículo, da credencial do idoso.

O tempo máximo de permanência será de duas horas, mediante pagamento por hora de estacionamento. Já os motoristas ou passageiros com deficiência ou dificuldade de locomoção terão direito às vagas identificadas como “Exclusivo Deficiente Físico”.

Neste caso também é necessário a colocação da credencial sobre o painel do veículo. O tempo máximo de permanência será de quatro horas, mediante pagamento por hora de estacionamento.

O pagamento poderá ser feito em parquímetros (moedas, conta online e cartão pré pago), com os monitores (dinheiro, cartão de crédito e débito, cartão pré pago e conta online), pelo aplicativo Digipare – Zona Azul Digital e Rotativo Digital (cartão de crédito e boleto) e em pontos de venda (dinheiro, cartão pré pago e, cartão de crédito ou débito).

A implantação do sistema Zona Azul em São José será feito por etapas. Nesta primeira fase são disponibilizadas cerca de 500 vagas nas ruas Eugênio Koerich, Avenida Cruz e Souza, Rua Dinarte Domingues, Rua Adhemar da Silva, Avenida Elizeu Di Bernandi, Avenida Presidente Kennedy, Rua Emerson Ferrari, Rua Victor Meireles, Rua Margarida Abreu, Rua Capitão Adelino Plat, Rua Prefeito Silvestre Phillipi, Rua 19 de Março, Avenida Altamiro Di Bernandi e Rua Charles Ferrari.

Na segunda fase, serão mais 1.605 vagas também nos bairros Campinas e Kobrasol. A previsão da implantação total é de 20 meses, abrangendo os bairros Forquilhinha, Centro Histórico, Avenida Leoberto Leal, em Barreiros, e o entorno da sede dos Correios, no bairro Nossa Senhora do Rosário. No total, serão mais de 5 mil vagas disponibilizadas por meio do estacionamento rotativo.

You Might Also Like

One Reply to “Cobrança da Zona Azul em São José começa na segunda-feira, dia 1º”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.