Projeto do transporte aplicativo deve ser retirado da Câmara Municipal de Florianópolis

O projeto que tramita há dois anos para regulamentar o transporte por aplicativo de passageiros deve ser retirado pela Prefeitura de Florianópolis da pauta da Câmara Municipal de Florianópolis.

O secretário municipal da Casa Civil, Everson Mendes, disse a rádio CBN Diário que a ideia é elaborar uma nova lei que normalize o transporte por aplicativo de passageiros e flexibilize o funcionamento de táxis.

“O projeto tramita com muitas divergências, nós precisamos achar um meio termo, entre manter um serviço que a cidade gostou, mas também ter outras categorias representadas, com os vereadores questionando. A gente retira o projeto e elabora outro gestado a partir de debate, de números, que a gente tenha uma tramitação mais tranquila e eficaz”, afirmou.

Com a nova lei, a Prefeitura de Florianópolis deve flexibilizar as regras para o funcionamento de táxis na capital catarinense. Na próxima semana deve ser criada uma comissão com os vereadores, representantes da Prefeitura de Florianópolis, das associações de motoristas de transporte por aplicativo e de taxistas que devem auxiliar na nova regulamentação.

“Continua com a democracia que é o Uber, mas tem uma regulamentação mínima e também seria injusto nós mantermos os taxistas com uma licitação feita lá em 2014, onerando, engessando uma categoria, enquanto você tem um mercado que está caminhando em outra direção”, declarou.

Mobilidade Floripa

A redação do Mobilidade Floripa é responsável pela produção de conteúdo sobre a mobilidade urbana de Florianópolis e Região Metropolitana. Deseja entrar em contato conosco para enviar informações, sugestões de pauta ou anunciar? Envie um e-mail para contato@mobilidadefloripa.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.