Obras de duplicação da BR-470 chegam a mais de 50% de execução

Rodovia é um importante corredor para escoamento dos produtos agropecuários na região

330
BR-470 Estradas
Foto: Divulgação/Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes
Publicidade

Rodovia estratégica para escoamento dos produtos agropecuários das regiões Oeste e do Planalto catarinense ao Litoral, a BR-470 já tem mais da metade das obras de duplicação finalizadas.

Agora, os motoristas podem contar com 9,7 quilômetros de duplicação de um pacote de mais de 18 quilômetros entre a cidade de Navegantes e o acesso à Luiz Alves. No total, já foram liberados ao tráfego 37,3 quilômetros de pistas duplicadas e restauradas.

Com mais da metade das obras prontas, as equipes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes estão concentradas no segmento entre o quilômetro 11,1 e o quilômetro 15,9, entre Navegantes e Ilhota. No total, a duplicação da BR-470 contempla 73,18 quilômetros, divididos em quatro lotes de obras. Anteriormente, foram liberados ao tráfego outros 27,6 quilômetros de pistas duplicadas e restauradas. Ao todo, os quatro contratos custaram R$ 1,2 bilhão.

Publicidade

A BR-470 é uma das principais vias de ligação ao porto de Itajaí e ao Aeroporto de Navegantes. Atualmente, são realizadas obras pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes em quatro lotes diferentes da rodovia.

BR-470 Duplicação
Foto: Divulgação/Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes

Saiba onde serão as obras:

Lote 2 – quilômetro 18,61 ao quilômetro 44,87

Lote mais avançado das obras (82% executadas), tendo um total de 18 quilômetros de pista duplicada e restaurada.

Lote 3 – quilômetro 44,87 ao quilômetro 57,78

Trecho que contempla o Complexo da Mafisa. As frentes serão concentradas na região do Badenfurt, acesso a Pomerode, perfazendo em torno de 32% de obra executada.

Lote 4 – quilômetro 57,78 ao quilômetro 73,18

As principais frentes de serviço estão localizadas do quilômetro 67 ao quilômetro 72, com 31% executadas, sendo o trevo secundário de Indaial a prioridade (altura do quilômetro 72) e com previsão de liberação ainda em 2021.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui