Rodovias + Brasil premia Arteris pela construção do Contorno de Florianópolis

Com investimentos de R$ 3,7 bilhões até 2023, maior obra rodoviária em execução no Brasil terá 50 km de extensão e quatro túneis duplos

131
Obras do Contorno Viário
Foto: Divulgação/Arteris
Publicidade

A Arteris, empresa especializada em gestão de rodovias, venceu o prêmio Rodovias + Brasil, na categoria Obras Rodoviárias, pelo Contorno de Florianópolis, a maior obra rodoviária em execução no Brasil. O prêmio é uma realização da Secretaria Nacional de Transportes Terrestres (SNTT), do Ministério da Infraestrutura, em parceria com o Centro de Estudos em Logística, Transportes e Comércio Exterior do Brasil Export (CEBE).

O Contorno de Florianópolis tem como objetivo desviar o tráfego de longa distância do eixo principal da BR-101. Será um corredor expresso de 50 quilômetros, com pista dupla, seis acessos por trevos, quatro túneis duplos, 14 pontes e mais de 20 passagens em desnível.

“O Contorno é uma obra de extrema relevância para alavancar a economia brasileira. O Prêmio Rodovias + Brasil é um reconhecimento muito gratificante, pois temos um imenso orgulho em contribuir para o desenvolvimento nacional e do setor de infraestrutura. Desde 2008, já investimos mais de R$ 23 bilhões na construção e modernização de nossas rodovias, com reflexos positivos para os usuários e as comunidades no entorno de nossas concessões”, explica Giane Zimmer, diretora executiva de Relações Institucionais e Sustentabilidade da Arteris.

Publicidade

A Arteris vai investir um total de R$ 3,7 bilhões até 2023 na construção do Contorno Viário de Florianópolis. A obra representa um marco da atuação da concessionária em Santa Catarina pela geração de empregos – serão gerados mais de 3.200 postos de trabalho no pico das obras – e pelo estímulo ao desenvolvimento regional.

Contorno de Florianópolis em números:

  • 50 quilômetros de rodovia em pista dupla
  • 4 túneis duplos
  • 7 pontes duplas
  • 20 passagens em desnível
  • 6 trevos de interseção
  • R$ 3,7 bilhões em investimentos
  • 3200 trabalhadores atuando no pico das obras
Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui