Projeto Viva a Ponte para reabertura histórica da Ponte Hercílio Luz é lançado

Obras Ponte Hercílio Luz

Em ritmo acelerado, a recuperação da Ponte Hercílio Luz entra na reta final. Para organizar o momento de liberação ao tráfego, o Governo do Estado de Santa Catarina lançou nesta terça-feira, dia 19 de novembro, o projeto Viva a Ponte, um plano para o Complexo Turístico e Cultural que prevê ampla programação de 30 de dezembro a 5 de janeiro de 2020, com atrações artísticas, folclóricas e gastronômicas.

Também foram anunciadas as chamadas públicas para empresas e atrações interessadas em participar dessa programação histórica.

“O dia 30 de dezembro será um marco para Santa Catarina. Mais importante do que isso, um marco para a vida da população catarinense. Muitos já não acreditavam que a Ponte Hercílio Luz seria reaberta. Entregar essa obra foi um compromisso que assumimos e é uma honra fazer parte deste momento”, destacou o governador Carlos Moisés.

Com o lançamento do projeto, o Governo do Estado de Santa Catarina chama a sociedade catarinense para participar deste momento inesquecível e contribuir com a programação que será montada de forma transparente a partir de chamamentos públicos.

Viva a Ponte é um projeto cultural, turístico e urbanístico do complexo da Hercílio Luz, com ações integradas da Secretaria de Estado da Infraestrutura, Fundação Catarinense de Cultura, Fundação Catarinense de Esporte, Santur, Casa Civil, Secretaria Executiva da Casa Militar, Secretaria Executiva de Comunicação, Defesa Civil e Secretaria de Estado da Segurança Pública.

O chefe da Casa Civil, Douglas Borba, acrescentou que esse projeto irá reintegrar a ponte à rotina dos moradores e turistas de Florianópolis e do estado. “Será uma forma de promover o turismo e o desenvolvimento econômico da cidade e de Santa Catarina. A Ponte Hercílio Luz tem grande potencial de se tornar um vetor de desenvolvimento e promoção do Governo do Estado de Santa Catarina”, disse.

A presidente da Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina, Flávia Didomenico, lembrou que a Ponte Hercílio Luz é um grande símbolo do estado e torna-se um ativo do turismo catarinense. “É extremamente importante para nós, pois é uma referência histórica latente do nosso estado, além de todo o charme arquitetônico e de conectar o continente à Ilha de Santa Catarina”, destacou.

Após a entrevista coletiva na manhã desta terça-feira, dia 19 de novembro, o governador fez uma vistoria em parte da estrutura, acompanhado de secretários e jornalistas.

Confira detalhes dos editais

As empresas e os artistas interessados em participar já podem fazer o credenciamento diretamente no site Viva a Ponte. O edital 002 de 2019 trata da seleção de empresas de alimentação e bebidas que poderão ocupar 20 espaços nas cabeceiras insular e continental da Ponte Hercílio Luz.

Estão aptos a participar da seleção food karts, food bikes ou estandes. As propostas deverão ser entregues e protocoladas até às 19h do dia 29 de novembro, na sede da Santur (Santa Catarina Turismo), no Bairro Itacorubi. O resultado será publicado em 4 de dezembro.

Também está aberta a seleção de propostas de apresentações artísticas e culturais para compor a programação do projeto Viva a Ponte. Artistas de diversas áreas, como música, teatro, dança e circo podem se inscrever até 2 de dezembro, em formulário online.

O resultado da seleção será divulgado em 6 de dezembro. O envio das informações e divulgação dos resultados serão feitos no site.

Já a Chamada Pública 003 de 2019 orienta a participação de proprietários de carros e motos antigos para desfile no dia 30 de dezembro. Poderão se inscrever pessoas físicas ou jurídicas, proprietários de veículos de modelos fabricados entre os anos de 1920 e 1985, licenciados em Santa Catarina, não sendo obrigatório filiação a clubes de automóveis antigos. As inscrições serão feitas no site até 2 de dezembro, às 23h59.

Também está prevista a seleção de empresa de esporte de aventura que irá operacionalizar atrações no local. A proposta deverá prever ações de rapel, escalada, bungee jumping, pêndulo humano, slackline, entre outras atividades. As inscrições e os critérios também estão disponíveis no site.

A programação prevê ainda corrida de 5 quilômetros no dia 5 de janeiro de 2020. Organizada pela Fesporte, a prova terá largada da Ponte Hercílio Luz com percurso em direção ao continente e chegada também na estrutura. A inscrição será gratuita no site e a previsão é de 2 mil vagas.

Ponte Hercílio Luz
Foto: Ricardo Wolffenbüttel

Sobre as obras

Os serviços na estrutura superior da Ponte Hercílio Luz estão sendo finalizados para a reabertura no dia 30 de dezembro. Estão em andamento a retirada das gruas centrais, a instalação do piso gradil no vão central, a colocação das passarelas de pedestres e ciclistas e das defensas metálicas.

A previsão é que estes serviços terminem na primeira quinzena de dezembro. Paralelamente, está sendo feita a pintura de toda a estrutura superior, trabalho que será realizado até a véspera da abertura da Ponte.

“Estamos entrando na reta final e neste momento um dos objetivos do Governo, além de concluir a obra em março de 2020, é resgatar a ligação da população com a Ponte Hercílio Luz. E para isso estamos adequando os trabalhos finais com a possibilidade da realização de eventos culturais e lazer. Hoje temos aproximadamente 150 metros de piso para finalizar a colocação no vão central e após isso será instalada a sinalização viária”, ressaltou o secretário da Infraestrutura e Mobilidade, Carlos Hassler.

Também na primeira quinzena de dezembro serão retirados mais dois módulos da treliça inferior para possibilitar que o teste de carga seja feito. A previsão é que ele seja realizado entre os dias 16 e 20 de dezembro à noite.

Para isso, serão enfileirados sobre a Ponte Hercílio Luz, 48 caminhões de 20 toneladas cada, um total de 920 toneladas. O peso corresponde a 80% da capacidade total da estrutura, sem a margem de segurança.

A retirada da base de apoio inferior será iniciada em dezembro, e a retirada dos dois últimos módulos da treliça inferior começará em janeiro, assim como o acabamento da pintura da estrutura inferior. A previsão é que os serviços acabem até março de 2020.

Desde 2006, quando os primeiros contratos foram assinados para início dos trabalhos visando à recuperação da Ponte Hercílio Luz, o valor contratado para as obras é de R$ 474.910.654,56, conforme os dados que podem ser acessados no Portal da Transparência do Governo do Estado de Santa Catarina.

Viva a Ponte

Além de informações e divulgação das etapas dos chamamentos públicos, o site Viva a Ponte traz a linha do tempo sobre os fatos que cercam a primeira ligação entre a Ilha de Santa Catarina e o continente, os detalhes da maior obra de recuperação da história do estado, um teste de conhecimento sobre a estrutura, além de reunir notícias sobre a Ponte Hercílio Luz, símbolo de Santa Catarina.

Inaugurada há 93 anos, é a maior ponte pênsil do Brasil e também a mais longa ponte pênsil com sistema de barras de olhal do mundo.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.