Bicicletário gratuito é instalado no Centro de Florianópolis

946
Bicicletário Gratuito
Foto: Divulgação/Prefeitura de Florianópolis
Publicidade

A Prefeitura de Florianópolis anunciou uma novidade para os ciclistas. Desde 1º de julho de 2020, a cidade passou a contar com um projeto piloto de bicicletário.

O primeiro bicicletário gratuito, administrado pela empresa “BikePoint Floripa”, foi instalado na Avenida Paulo Fontes, próximo ao Ticen (Terminal de Integração do Centro) e Mercado Público, junto ao estacionamento existente em frente ao Largo da Alfândega.

O container tem espaço para 16 bicicletas e também conta com ducha rápida e guarda-volumes (armário com 16 lockers).

Publicidade

Para usar, o ciclista deve apresentar um documento com foto e assinar digitalmente por QR Code o termo de uso.

Bicicletário Gratuito
Foto: Divulgação/Prefeitura de Florianópolis

O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 19h e aos sábados, das 8h às 13h.

“A guarda da bicicleta deve ser feita com correntes e cadeados, sob responsabilidade do proprietário”, informou a administração municipal.

Segundo a Prefeitura de Florianópolis, em breve serão instalados mais sete bicicletários na cidade.

Eu ainda não consegui o contato da empresa que administra o bicicletário, para saber os outros locais da cidade que serão instalados os demais bicicletários, caso eu descubra, volto a atualizar aqui a informação.

E caso você for utilizar o bicicletário, depois me conte abaixo nos comentários, como foi a experiência.

Bicicletário Gratuito
Foto: Divulgação/Prefeitura de Florianópolis
Publicidade

2 COMENTÁRIOS

  1. Excelente iniciativa! Parabéns à Prefeitura de Florianópolis por atender o anseio global pelo modal ciclista. Cada pesquisa, projeto e aplicação voltada a incentivar o ciclismo contribui para reduzir o número de carros, diminuir a poluição e prevenir os sistemas de saúde público e privado, devido aos benefícios fisiológicos da prática à longo prazo. #vaidebike #ocupearua

    Que Curitiba siga o exemplo, tentarei levar a ideia a frente por aqui. Obrigado pelo post!

    Abraços, Mateus Miranda, UFPR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui