Pesquisa indica alto nível de satisfação de passageiros com aeroportos concedidos no país

150
Novo aeroporto de Florianópolis
Foto: Divulgação/Floripa Airport
Publicidade

Pesquisa realizada pelo Governo Federal, por meio do Ministério da Infraestrutura, e divulgada nesta segunda-feira, 14 de fevereiro de 2022, mostra o alto índice de aprovação dos viajantes com os aeroportos brasileiros. Pelo segundo trimestre consecutivo, os aeroportos de Confins (MG), Curitiba (PR) e Florianópolis (SC) – os três concedidos à iniciativa privada – foram os mais bem avaliados no país.

É o que indica a Pesquisa Nacional de Satisfação do Passageiro e Desempenho Aeroportuário, referente ao 4º trimestre de 2021. O levantamento, realizado pela Secretaria Nacional de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura nos 20 principais terminais aéreos brasileiros, revela alta satisfação dos viajantes com a infraestrutura e serviços ofertados, classificados como bons ou muito bons por 92% dos 23.122 passageiros entrevistados entre outubro e dezembro de 2021.

Ainda em recuperação devido aos impactos da pandemia, o setor aéreo atingiu em fevereiro 77% do movimento diário de aeronaves na malha doméstica de 2019 e 53% do movimento diário internacional, segundo dados compilados pela Secretaria Nacional de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura.

Publicidade

Acesse aqui a pesquisa completa.

Avaliação

Juntos, os 20 terminais aéreos analisados concentram 87% do total de passageiros da aviação regular transportados no país. Em uma escala de avaliação que vai de 1 (muito ruim) a 5 (muito bom), todos receberam pontuação acima de 4, sendo que a média foi de 4,44 quanto à satisfação geral dos usuários.

A maior média do indicador de satisfação geral de um aeroporto no trimestre foi obtida por Florianópolis: 4,72. A “nota” garantiu ao aeroporto da capital catarinense a liderança entre os terminais aéreos que atendem até 5 milhões de passageiros ano. Na categoria intermediária – entre 5 e 10 milhões de passageiros -, a melhor nota foi do aeroporto de Curitiba: 4,64. Confins se destacou entre os terminais que receberam mais de 10 milhões de passageiros por ano, alcançando 4,42 pontos de avaliação. É o segundo trimestre consecutivo que esses três aeroportos lideram em suas categorias.

“Percebemos que os terminais aéreos concedidos têm se mantido com as melhores avaliações, segundo os viajantes. Isso mostra o acerto do programa de concessões do Governo Federal, que já transferiu à iniciativa privada 34 aeroportos, assegurando R$ 9 bilhões em recursos privados a serem investidos na melhoria das estruturas e níveis de serviços aeroportuários”, ressaltou o secretário nacional de Aviação Civil, Ronei Glanzmann. Em 2022, o Governo Federal deve atingir a marca de 49 terminais concedidos com a realização da 7ª rodada de concessões, cuja expectativa é de R$ 7,3 bilhões em investimentos privados.

Itens que mais agradam

Na pesquisa de satisfação, os entrevistados avaliaram 17 itens de infraestrutura, atendimento e serviços, que incluem processos aeroportuários como check-in, inspeção de segurança e restituição de bagagens. Do total de indicadores analisados no levantamento, 16 obtiveram média superior a 4 (bom), meta estabelecida pela Comissão Nacional de Autoridades Aeroportuárias (Conaero).

Os indicadores com as melhores notas foram controle migratório (4,61); processo de inspeção de segurança, controle aduaneiro e limpeza geral do aeroporto (empatados com 4,58); e processo de restituição de bagagens (4,48).

Internacionais

Apesar de as viagens ao exterior ainda estarem reduzidas devido à pandemia de Covid-19, subiu de cinco para nove o total de aeroportos com voos internacionais avaliados na pesquisa realizada pela Secretaria Nacional de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura. Assim, a última edição do levantamento traz a percepção dos usuários quanto à operação internacional nos terminais de Brasília (DF), Confins, Galeão (RJ), Fortaleza (CE), Natal (RN), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Guarulhos (SP) e Campinas (SP).

Os sete primeiros alcançaram a marca de 100% para o percentual de medições com tempo de espera em fila igual ou inferior a 15 minutos na inspeção de segurança do embarque internacional. Guarulhos e Campinas obtiveram índice de 99%. Com exceção de Campinas (96%), todos os demais alcançaram a marca de 100% no check-in internacional, para a espera em fila igual ou inferior a 30 minutos.

O melhor índice de restituição de bagagem internacional – até 45 minutos após a parada da aeronave – foi do aeroporto de Natal (91%), seguido por Guarulhos (52%), Confins e Brasília (ambos com 50%). Todos atingiram 100% para o percentual de medições com tempo de espera em fila igual ou inferior a oito minutos para declarar bens na aduana e de 16 minutos na emigração. Na imigração, o índice máximo só não foi atingido por Natal (81%).

Metodologia

A Pesquisa Nacional de Satisfação do Passageiro e Desempenho Aeroportuário é realizada desde 2013. Sua divulgação é trimestral, mas foi suspensa no segundo trimestre de 2020, em função da pandemia, sendo retomada no terceiro trimestre de 2021. A iniciativa visa contribuir para o desenvolvimento da gestão aeroportuária e o aumento da capacidade e eficiência da infraestrutura dos aeroportos do país. É, portanto, importante referencial para administração dos aeroportos pesquisados.​

A coleta de dados consiste na realização de entrevistas presenciais com passageiros nas salas de embarque e desembarque dos aeroportos pesquisados, com atribuição de “notas” para os 17 indicadores considerados. Ao fim do questionário, o usuário avalia ainda sua satisfação geral com o aeroporto.

Os indicadores relativos ao desempenho operacional dos processos aeroportuários são coletados mediante a utilização de técnica de observação direta, onde o pesquisador, em geral, registra o horário de início e conclusão dos processos avaliados ou o tempo que o passageiro leva para passar por tais processos, além de outras informações relevantes para a gestão aeroportuária.​

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui